Artigos recentes

"Segunda Opinião" #33- "The Money Drop": uma aposta ganha?


A TVI estreou em março a versão portuguesa de "The Million Pound Drop", um formato original britânico, produzido pela primeira vez em 2010, pela Endemol. Reproduzido em mais de 50 países, foi em 2015 que chegou a Portugal, apresentado por Teresa Guilherme. A cara da estação que está habitualmente associada aos reality-shows mostrou, aqui, que consegue mudar de registo, sem perder a sua personalidade televisiva que lhe é tão característica.

Neste formato, dois concorrentes recebem 100 mil euros no início do programa e para os levar para casa terão que responder corretamente a oito perguntas. O jogo aumenta um pouco de dificuldade quando, a cada opção de resposta, corresponde um alçapão e todo o dinheiro apostado em cada um deles poderá ser perdido, caso a resposta esteja errada.

É este dilema nas escolhas e divisões feitas com o dinheiro em jogo - 50 maços de 2 mil euros, com notas reais - que faz com que a emoção tome conta dos concorrentes, da apresentadora e do público.

"The Money Drop - Entre a Ganhar" não conseguiu, até agora, afirmar-se como um grande sucesso televisivo. Contudo, os resultados dos "Diários do Secret Story" foram assegurados e o concurso de Teresa Guilherme manteve os bons resultados nos finais de tarde da TVI. Lutando taco-a-taco com a concorrência - sobretudo com "O Preço Certo" da RTP - "The Money Drop" tem conquistado os espetadores, variando entre a liderança e o segundo lugar, na maioria dos dias.

O relativo sucesso no seu formato diário, gravado, fez com que a TVI apostasse numa emissão semanal, em direto, ao sábado. Esta aposta não correu da melhor forma. Neste dia, apesar da tensão subir ainda mais pelo facto de ser emitido em direto, o programa regista, habitualmente, os piores resultados da semana. Mas se olharmos para os valores conseguidos pelas últimas apostas da TVI ao final da tarde de sábado, as diferenças não serão assim tão grandes.

"The Money Drop" convence pelo formato inovador, pela forma como o jogo se desenrola e pelo registo adotado por Teresa Guilherme. A relação criada com os concorrentes é rápida e acaba por existir uma componente, ainda que muito camuflada, de reality-show. Os participantes parecem ser, também, escolhidos a dedo. Até agora, poucos foram aqueles que não marcaram pelo seu carisma e à vontade em jogar com a apresentadora.

Nos últimos dias, algumas notícias lançadas pela imprensa referem o final de "The Money Drop" já em julho. Se tal vier a acontecer, não será com certeza uma boa aposta da TVI. Primeiro, porque o programa está a conseguir fidelizar o público das 19h e, depois, porque a TVI não tem, à partida, nenhum formato melhor para emitir no horário.

O concurso do final da tarde da TVI veio para entrar a ganhar e, apesar de o fazer de forma discreta, acaba por vencer em termos de inovação, sobretudo numa estação que raras vezes emitiu formatos deste género. A aposta está ganha, esperemos que a TVI não saia a perder com o final precoce do formato, caso este se confirme no próximo mês de julho.

Por: Fantastic TV
Uma rubrica com a parceria do "Fantastic Televisão"

RESULTADOS DA SONDAGEM:













*Vote na sondagem para decidir o tema da próxima edição da rubrica.

Diário da TV Designed by Templateism.com Copyright © 2014

© Copyright DiáriodaTV . Imagens do modelo de 5ugarless. Tecnologia do Blogger.