Artigos recentes

"Duelos da TV" #22- "Aqui Portugal" vs. "Somos Portugal"


Estreada a 30 de setembro de 2014, os "Duelos da TV" prometem surpreende-lo e prende-lo ao ecrã. Qual o melhor programa? É essa pergunta que vê respondida no final de cada edição.


AQUI PORTUGAL

Estreado em 2013 pelas mãos de Sónia Araújo, Jorge Gabriel e o repórter Hélder Reis, "Aqui Portugal" é um formato que viaja pelas mais diversas zonas de Portugal, mostrando as festas, romarias, as gentes, usos, costumes e a musica, também foco principal.

Atualmente, e depois da saída de Sónia e Jorge para "A Praça", de mudanças no logotipo e "afinações" nos conteúdos, o programa é conduzido por Hélder Reis- que passou a apresentador principal-, Joana Teles e Catarina Camacho.

Esta é a tripla que anima as tardes de sábado da RTP (e o faz muito bem!). Todos vinham com "bagagem" de formatos semelhantes- como o "Verão Total"- e tem mostrado um enorme crescimento ao longo das emissões. Estes profissionais são o futuro da estação e antes de terem um grande formato tem que conquistar o público e crescer. E é isso que está a acontecer. Atualmente, tanto a Joana, como a Catarina ou o Hélder estão mais que preparados para "voar" e ganhar um programa seu. Esperemos que a RTP não os deixe na gaveta, como fez com a Joana Teles, quando estreou o "Há Tarde" ou o Hélder, que esteve a um passo se apresentar o "Agora Nós" com a Tânia. Não desfazendo do Zé Pedro Vasconcelos e da Vanessa Oliveira- que se mostraram excelentes escolhas- estes teriam sido também ótimas opções para os formatos.

Tiago Góes Ferreira também seria uma boa contratação para o formato da RTP. O público gosta dele e ele já deu provas de que é um bom apresentador, estava na altura de ter um pouco mais de destaque, pois a concorrência está atenta. Apesar disso, e visto o conceito do programa, três apresentadores são suficientes.

"Aqui Portugal" traz-nos mais do mesmo. Musica "pimba", umas reportagens em direto a mostrar produtos típicos e pouco mais. Foi perdendo ao longo do tempo o seu conceito base de mostrar a região, o comércio e de entrevistar pessoas importantes da terra. Apesar disso, voltou a melhor com a introdução da rubrica "O que...", que dá a conhecer sítios para visitar, comer, lojas com produtos da região, etc. É somente isso que o torna um pouco diferente dos restantes programas do género.

A RTP1, como canal público, deveria voltar a transmitir o programa em locais históricos, aumentar as entrevistas, os pontos de reportagem pela região e diminuir a musica pimba. Deveriam também diminuir os apelos ao "760" e criar um espaço em que o espectador em casa participasse no programa, alargando assim a faixa etária e chegando aos mais novos. A musica do formato poderia também ser feita em direto e trazer artistas mais variados, com géneros de musica diferente. Isto seria algo diferente e certamente que o público ia aderir, visto o desgaste deste tipo de formatos.

Ao longo de mais de seis horas, é isto que a RTP nos oferece ao sábado à tarde. Tendo em conta que a SIC emite os magazines e filmes e na TVI temos apenas reposições e o "Sábado Especial"- mais do mesmo-, a estação pública deveria encurtar o tempo do "Aqui Portugal" e emitir um filme ou uma serie antes, dando mais diversidade ao horário e ao público das generalistas, que se vê apenas com cinema na SIC. Seria mais um ponto a favor e se a RTP soubesse escolher bom cinema, poderia ganhar mais público no formato.

Atualmente "Aqui Portugal" tem perdido audiências e tem mostrado fragilidades em relação à concorrência. Esse fator é explicado pela saída da Sónia Araújo e do Jorge, que foram substituídos por outros apresentadores menos conhecidos e pelo desgaste do formato. Ainda assim, o programa consegue bons números para a RTP.

SOMOS PORTUGAL

Em direto de vários sítios do nosso país, "Somos Portugal" é um programa que mostra a gastronomia, os costumes e as tradições das terras por onde passa, isto tudo, claro, regado com musica popular portuguesa.

O formato chegou à antena do canal de Queluz de Baixo em 2011 e desde ai tem viajado de norte a sul na companhia de várias caras da TVI, como o Nuno Eiró, Mónica Jardim, Iva Domingues, Leonor Poeiras, Marisa Cruz, Isabel Silva, Marta Cardoso, entre outros.

A eles juntam-se as novas apostas da TVI na área da apresentação, como a Olívia Ortiz, João Montez, Rúben Rua e Pedro Teixeira, que tem mostrado o que valem no "Somos Portugal". Cada vez mais este programa é apresentado por diferentes caras. A estação tem aproveitado este programa para apresentar novas caras ao público, o que é bom nesse sentido. A parte menos boa é o facto do canal estar a criar novas apostas quando mantém profissionais como a Leonor, a Iva e a Mónica na gaveta e não aposta neles para grandes formatos.

Tal como o "Aqui Portugal", o formato da TVI mantém uma sinopse semelhante. Musica "pimba", umas reportagens pelo meio e está a tarde passada. Temos depois Manuel Melo com o seu jeito divertido a mostrar a localidade através de jogos e perguntas a pessoas da região. Um espaço bom mas mal aproveitado. A TVI deveria optar por promover mais esse espaço e dar-lhe mais importância, porque, sem dúvida, que é dos pontos que mais atrai o público.

"Somos Portugal" está atualmente a ficar descaracterizado. Passatempos dentro de passatempos, promoções aos formatos de domingo e às novelas e jogos sem nexo (para copiar o extinto "Portugal em Festa"). A isto junta-se a telepromoção que foi acrescentada há alguns meses, que serve para a TVI ganhar mais uns "trocos" por cada emissão. Tudo isto só tira qualidade ao formato.

Nota-se que a TVI não está minimamente preocupada com o programa. Vai mantê-lo em antena até os resultados e o dinheiro das chamadas para o "760" compensarem. Não há novidades, "afinações" nos conteúdos e os cantores e artistas ficam de uma emissão para a outra.  As suas 6 horas de emissão resolvem mais de metade da grelha de domingo há mais de cinco anos. O canal não tem que se preocupar em estrear formatos e em gastar mais dinheiro. Tudo o que se quer.

"Somos Portugal" lidera atualmente os domingos. Contudo, as suas audiências tem vindo a descer e o programa mostra um enorme desgaste. A TVI tem que estar atenta, pois a Cabo está a ganhar cada vez mais espaço.

PONTUAÇÃO (0-10)
"Aqui Portugal"-  5 PONTOS
"Somos Portugal"- 4 PONTOS

Por: Marco Filipe

Diário da TV Designed by Templateism.com Copyright © 2014

© Copyright DiáriodaTV . Imagens do modelo de 5ugarless. Tecnologia do Blogger.